Livro didático, artefatos socioculturais e ensino de simetria no Ensino Fundamental

Jeová Pereira Martins

Resumo


Este artigo tem como objetivo estabelecer relações conceituais e didáticas entre artefatos socioculturais, livros didáticos e os casos de simetria dos anos finais do ensino fundamental que poderão subsidiar a pratica pedagógica do professor de matemática desse nível de ensino. Os fundamentos teóricos adotados, advém, principalmente, das ideias de Mendes (2014), Farias e Mendes (2014), Miguel e Mendes (2010), Brasil (1997). Trata-se de uma pesquisa de cunho qualitativo cujos dados foram obtidos por uma pesquisa bibliográfica em cinco coleções de livros didáticos de matemática dos anos finais do Ensino Fundamental e em textos sobre a temática discutida e por uma pesquisa por imagens na internet, em Belém e em Ponta de Pedras, no Pará. Os resultados apontam que as relações conceituais estabelecidas entre os artefatos socioculturais e as simetrias do ensino fundamental não são observadas nos livros didáticos de forma substancial o que me impulsionou a elaborar uma proposta de complementação do livro didático, contida em nossas conclusões, como expressão das relações didáticas estabelecidas. Esperamos que este texto seja formativo para professores, pesquisadores, educadores matemáticos e estudantes.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


REMATEC 2006-2019. Site desenvolvido por Stanley de Oliveira (stanleyufrn@gmail.com).