HISTÓRIA E CULTURA EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA: a produção da matemática do ensino

Palavras-chave: matemática, saber profissional, formação de professores

Resumo

Este texto tem por objetivo realizar uma reflexão teórico-metodológica a propósito de pesquisa sobre o saber profissional do professor que ensina matemática. O estudo é resultado de análises sobre as articulações entre história, cultura e educação matemática, tratadas no âmbito do desenvolvimento de um projeto coletivo de pesquisa. Tal investigação ampara-se em estudos sócio-históricos, conjuntamente com referências vindas da História Cultural. Como resultado das discussões formula-se o conceito de matemática do ensino, sob o argumento de que ele poderá melhor designar os saberes envolvidos no movimento de profissionalização da docência, tendo em conta a elaboração de saberes presentes no ensino e na formação de professores, produtos da cultura escolar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARTIGUE, M. Continu, discontinu em mathématiques. Quelles perceptions en ont les élèves et les étudiants? In: VIENNOT, L. Didactique, Épistémologie et Histoire des Sciences. Paris: PUF, 2008.

BARBIER, J.-B. Les voies nouvelles de la professionnalisation. In: LENOIR, Y.; BOUILLIER-OUDOT, M.-H. (dir.) Savoirs professionnels et curriculum de formation. Canada: Les Presses de L’Université Laval, 2006.
BERTINI, L. F. et al. A matemática a ensinar e a matemática para ensinar – novos estudos sobre a forma o de professores. São Paulo: L F Editorial, 2017.

CHERVEL, André. História das disciplinas escolares: reflexões sobre um campo de pesquisa. Teoria & Educação, 2, 1990, p. 77-229.

GIRALDO, V. Formação de professores de matemática: para uma abordagem problematizada. Cienc. Cult. vol. 70 no.1 São Paulo Jan./Mar. 2018. http://dx.doi.org/10.21800/2317-66602018000100012

FERNANDEZ, C. Revisitando a base de conhecimentos e o conhecimento pedagógico do conteúdo (PCK) de professores de ciências. Revista Ensaio. Belo Horizonte, v. 17, n. 2, 2015, p. 500-528.

HOFSTETTER, R.; SCHNEUWLY, B. Saberes um tema central para as profissões do ensino e da formação. In R. Hofstetter; W. R. Valente. Saberes em (trans)formação – tema central da formação de professores. São Paulo: L F Editorial, 2017.

MACIEL, V. B. Elementos do saber profissional do professor que ensina matemática: uma aritmética para ensinar nos manuais pedagógicos (1880-1920). 2019. 312f. Tese (Doutorado em Ciências) - Universidade Federal de São Paulo, Guarulhos, 2019.

MEC. Documento de Área – Ensino. CAPES – Diretoria de Avaliação, 2016. Disponível em: https://files.cercomp.ufg.br/weby/up/480/o/DOCUMENTO_DE_AREA_ENSINO_2016_final.pdf . Acesso: 9 out. 2021.

MORAIS, R. S. et. al. A matemática do ensino de frações: do século XIX à BNCC. São Paulo: L F Editorial, 2021 (no prelo).

MOREIRA, P. C.; DAVID, M. M. M. Matemática escolar, matemática científica, saber docente e formação de professores. ZETETIKÉ – Cempem – FE – UNICAMP, V. 11, no. 19 – Jan./Jun., 2003. Disponível em: http://www.dma.ufv.br/downloads/MAT%20394/2018-I/textos/Matematica%20escolar%20x%20Matematica%20cientifica%20-%20MAT%20394%20-%202018-I.pdf. Acesso: 26 de set. 2020.

MONTESSORI, M. Psico geometria. Barcelona: Casa Editorial Araluce, 1934. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/159258. Acesso: 26/9/2020.

OLIVEIRA, M. A. A aritmética escolar e o método intuitivo: um novo saber para o curso primário (1870 – 1920). 2017. 280f. Tese (Doutorado em Ciências). Universidade Federal de São Paulo, Guarulhos, 2017.

SACHOT, M. Les disciplines scolaires, les modèles et les contre-modèles des curriculums de formation professionnelle. In: LENOIR, Y.; BOULLIER-OUDOT, M. H. Savoirs professionnels et curriculum de formation. Québec: Les Presses de l’Université Laval, 2006.

SILVA, C. M. S. A Faculdade de Filosofia, Cências e Letras da USP e a formação de professores de matemática, 2000. Disponível em: http://23reuniao.anped.org.br/textos/1925p_poster.PDF. Acesso: 28 set. 2020.

VALENTE, W. R. História da Educação Matemática nos anos iniciais: a passagem do simples/complexo para o fácil/difícil. Cadernos de História da Educação. V. 14, n. 1, jan./abr., 2015. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/bitstream/handle/123456789/160421/32131-129860-1-PB.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso: 28 de set. 2020.

VINCENT, G.; LAHIRE, B.; THIN, D. Sobre a história e a teoria da forma escolar. Educação em Revista. Belo Horizonte, MG, n. 33, 2001
Publicado
2020-12-22
Métricas
  • Visualizações do Artigo 72
  • PDF Downloads 72
Como Citar
VALENTE, W. R. HISTÓRIA E CULTURA EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA: a produção da matemática do ensino. REMATEC, v. 15, n. 36, p. 164-174, 22 dez. 2020.
Seção
Artigos Científicos