A avaliação da experiência de Matemática Moderna nos liceus portugueses

Palavras-chave: História da Educação Matemática, Estudos Curriculares, Matemática Moderna, Avaliação

Resumo

Uma avaliação inédita da experiência de introdução da Matemática Moderna nos liceus portugueses iniciada em 1963 é discutida neste artigo e confrontada com outros documentos da época, alguns também inéditos. As limitações da avaliação são discutidas e enquadram-se as reações negativas dos responsáveis pela experiência numa mudança de objetivos para a reforma, que, a partir de 1968 se dirige à generalidade dos alunos e não apenas a um grupo selecionado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mária Cristina Almeida, Universidade Nova de Lisboa
Doutorada, Universidade Nova de Lisboa (UNL). Investigadora do Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais (CICS.NOVA), Lisboa, Portugal
José Manuel Matos, Universidade Nova de Lisboa
Doutorado, The University of Georgia (UGA). Professor aposentado da Universidade Nova de Lisboa (UNL), Lisboa, Portugal e investigador do Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais (CICS.NOVA), Lisboa, Portugal

Referências

A revisão dos programas da disciplina de Matemática do 3.º ciclo do ensino liceal. Diário de Lisboa, v. 5/7/1963, p. 8, 1963.

ALBUQUERQUE, L. Reflexões sobre o ensino da Matemática «Moderna». Diário de Lisboa, v. 18/10/68, p. 3-4, 1968.

ALMEIDA, M. C. Um olhar sobre o ensino da Matemática, guiado por António Augusto Lopes. 2013. Tese de doutoramento. Universidade Nova de Lisboa.

ALMEIDA, M. C.; CANDEIAS, R. Os programas de matemática do ensino primário, da Telescola e do Ciclo Preparatório do Ensino Secundário. In: ALMEIDA, A. N. J. e MATOS, J. M. (Ed.). A matemática nos programas do ensino não-superior (1835-1974). Caparica: UIED e APM, 2014. p.39-68.

ALMEIDA, A. J. et al. A matemática moderna nos jornais diários de Lisboa. São Paulo, Brasil: Livraria da Física, em impressão.

BENTO, M. A. M. A introdução da Matemática Moderna no Ciclo Preparatório do Ensino Secundário em Portugal. 2012. Tese de Mestrado. Universidade Nova de Lisboa.

BURKE, P. What is the history of knowledge. Malden: Polity Press, 2016.

CERTEAU, M. A escrita da história. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1982.

Continua em exercício no actual ano lectivo a Comissão encarregada de atualização de métodos de ensino de Matemática. O Século, v. 28/1/1966, p. 9, 1966.

Despachos ministeriais (Julho de 1963). Revista Portuguesa de Pedagogia, v. IV, n. 1-2, p. 239-241, 1963.

FURINGHETTI, F.; MATOS, J. M.; MENGHINI, M. From mathematics and education, to mathematics education. In: M. CLEMENTS, A. B., C. KEITEL, J. KILPATRICK, & F. LEUNG (Ed.). Third International Handbook of Mathematics Education. Nova Iorque: Springer, 2013. p.273-302.

GINZBURG, C. Mitos, emblemas, sinais, morfologia e história. São Paulo: Editora Schwarcz, 1989.

LIMA, Y. Modernização da matemática no liceu: um programa inédito de Sebastião e Silva. In: (Ed.). Homenagem a José Sebastião e Silva. Lisboa: Departamento de Matemática da FCUL, 1997. p.99-114.

LOPES, A. A. In Memoriam do Prof. J. Sebastião e Silva. (1, 2). Arquivo António Augusto Lopes. 2014.

MATOS, J. M. Mathematics education in Spain and Portugal. Portugal. In: KARP, A.; SCHUBRING, G. (Ed.). Handbook on the History of Mathematics Education. Londres: Springer, 2014. p.291-302.

MATOS, J. M.; ALMEIDA, M. C. A reforma da matemática moderna em Portugal. HISTEMAT – Revista de História da Educação Matemática, v. 4, n. 2, p. 5-30, 2018.

MATOS, J. M.; ALMEIDA, M. C. Evaluating modern mathematics curricula. MES – Matemáticas, Educación y Sociedad, em publicação.

Notícias de GEPAE. Educação. Boletim do Gabinete de Estudos e Planeamento da Ação Educativa, 1(1), 50-81, 1969.

OECD. Committee for Scientific and Technical Personnel. Pilot demonstrations of modern science teaching in secondary schools, STP(63)37, 21/11/1963.

Os trabalhos para a reforma do ensino secundário em Portugal apreciados por um especialista da O.C.D.E. (1968). Diário de Lisboa, 8/5/1968, 13.

Os trabalhos para a reforma do ensino secundário em Portugal apreciados por um especialista da O.C.D.E. Diário de Lisboa, v. 8/5/1968, p. 13, 1968.

SILVA, J. S. Projeto de Modernização do Ensino da Matemática no 3.º Ciclo dos Liceus Portugueses. (1, 3). Arquivo António Augusto Lopes. 1969.

SILVA, J. S. E. Guia para a utilização do Compêndio de Matemática (2º e 3º volumes). Lisboa: GEP, 1977.

VENTURA, M. J. S. O ensino das matemáticas nas escolas secundárias. Labor, Revista de Ensino Liceal, v. 25, n. 199, p. 263-361, 1961.

VENTURA, M. S. Acerca da avaliação dos resultados da experiência de Matemática Moderna ao nível do 3.º ciclo dos Liceus. 8/8/1968. 1968.
Publicado
2021-02-02
Métricas
  • Visualizações do Artigo 37
  • PDF Downloads 37
Como Citar
ALMEIDA, M. C.; MATOS, J. M. A avaliação da experiência de Matemática Moderna nos liceus portugueses. REMATEC, [S. l.], v. 16, p. 43-58, 2021. DOI: 10.37084/REMATEC.1980-3141.2021.n.p43-58.id321. Disponível em: http://rematec.net.br/index.php/rematec/article/view/321. Acesso em: 9 mar. 2021.
Seção
Artigos Científicos