Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Artigos Científicos

v. 16 (2021): Fluxo Contínuo

Distanciamento, Aproximação e Complexidade


Publicado
June 7, 2021

Resumo

Nas laudas deste artigo, argumenta-se em prol de elos – amparados nos Princípios Complexos (Morinianos) Dialógico, Recursivo e Hologramático – entre as seguintes duplas: (i) teoria e prática, no que diz respeito às Ciências Naturais; (ii) teoria/planejamento e prática, no que toca à vida profissional dos docentes; (iii) teoria e aplicação/prática, em se tratando da Matemática; (iv) (neo)classicismo e keynesianismo, no que concerne às Ciências Econômicas (as quais, hoje em dia, encontram-se bastante matematizadas); e (v) professor e aluno, quanto aos processos de ensino e de aprendizagem. O ponto comum dos pares em questão, além, é claro, da observância – de seus elos – aos três Princípios Complexos supramencionados, é a sua análise, pelo autor do artigo, a partir da dupla “distanciamento-aproximação”, (dupla) cuja interface também se curva à Filosofia da Complexidade Moriniana, compondo, essa última dupla, o principal tema deste texto. A presente investigação é de cunho teórico-bibliográfico.

Referências

DIAS, E. D. M. Noção de sujeito e formação do professor: Uma compreensão da prática educativa. In: ALMEIDA, C.; PETRAGLIA, I. (Orgs.). Estudos de complexidade 2. São Paulo: Xamã, 2008. p. 101-114.

KISHTAINY, N. Uma breve história da economia. Tradução de Janaína Marcoantonio. 1. ed. Porto Alegre, RS: L&PM, 2018.

MORIN, E. O método 3: a consciência da consciência. Tradução de Juremir Machado da Silva. 2. ed. Porto Alegre: Sulina, 1999.

MORIN, E. O método 1: a natureza da natureza. Tradução de Ilana Heineberg. 2. ed. Porto Alegre: Sulina, 2003.

MORIN, E. O método 6: ética. Tradução de Juremir Machado da Silva. 4. ed. Porto Alegre: Sulina, 2011.

NÓBREGA, F. P. Compreender Hegel. Petrópolis, Rio de Janeiro: Vozes, 2005.

OLIVEIRA, R. de; GENNARI, A. M. História do pensamento econômico. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2019.

PETRAGLIA, I. Sete idéias norteadoras da relação educação/complexidade. In: ALMEIDA, C.; PETRAGLIA, I. (Orgs.). Estudos de complexidade. São Paulo: Xamã, 2006. p. 23-36.

PETRAGLIA, I. Interdisciplinaridade e transdisciplinaridade: religando saberes no espaço escolar. In: ALMEIDA, C.; PETRAGLIA, I. (Orgs.). Estudos de complexidade 2. São Paulo: Xamã, 2008. p. 35-45.

PINO, A. O biológico e o cultural nos processos cognitivos. In: MORTIMER, E. F.; SMOLKA, A. L. B. (Orgs.). Linguagem, cultura e cognição: reflexões para o ensino e a sala de aula. Belo Horizonte, Minas Gerais: Autêntica, 2001. p. 21-50.

SMITH, A. A riqueza das nações: uma investigação sobre a natureza e a causa da riqueza das nações. Tradução de Getulio Schanoski Jr. São Paulo: Madras, 2018.

STRATHERN, P. O sonho de Mendeleiev: a verdadeira história da química. Tradução de Maria Luiza X. de A. Borges. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2002.