História da Educação Matemática: as dissertações e as teses como “lugares de memória

Francisco Djnnathan da Silva Gonçalves

Resumo

A presente pesquisa constitui-se num excerto de uma dissertação desenvolvida na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, com o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Nosso objetivo é mostrar um rol contendo as dissertações e teses defendidas no período de 1990 a 2010, inseridas na área da História da Educação Matemática que possuem conteúdos matemáticos a serem utilizados por professores que lecionam matemática na Educação Básica. Para tanto, inicialmente catalogamos essas produções (via internet), de modo a propiciar a configuração da área nesses 20 anos. Além disso, analisamos os tipos de abordagens metodológicas que emergiam e, posteriormente, identificamos quais são os conteúdos matemáticos desvelados nessas produções que recaiam nos Ensinos Fundamental e/ou Médio. Ressaltamos que está pesquisa insere-se num projeto maior que visava organizar uma cartografia das pesquisas em História da Matemática e Educação Matemática no Brasil. Assim, os resultados aqui descritos, oportuniza a visualização de dissertações e/ou teses, que mesmo não tendo um víeis para sala de aula, contribui significativamente para as ações desempenhadas pelos docentes em seu ambiente de trabalho.

Texto completo:

Clique aqui para visualizar

Apontamentos

  • Não há apontamentos.