A simetria dos azulejos históricos de Belém do Pará em uma proposta de ensino

Jeová Pereira Martins

Resumo


O presente artigo tem como objeto de estudo a conexão entre a simetria e elementos da cultura. O seu objetivo é problematizar o ensino de simetria, no 9º ano do ensino fundamental, por meio da conexão desse assunto com os padrões geométricos dos azulejos históricos de Belém46 visando uma proposta de ensino de simetria pautada na sua relação com artefatos da cultura. Dentre os aportes teóricos destaco Mendes (2014), Farias e Mendes (2014), Miguel e Mendes (2010), Almeida (2010) e BRASIL (1997,1998). Trata-se de uma pesquisa bibliográfica de cunho qualitativo cujos dados foram produzidos pela leitura de textos relacionados à temática e pelo estudo de fotografias de um prédio antigo decorado com azulejos históricos. Os dados produzidos mostram que há conexão entre os casos de simetria estudados no 9º ano e os padrões geométricos dos azulejos históricos. Foram elaboradas, a partir dos dados, problematizações para a sala de aula como proposta de ação pedagógica a ser desenvolvida pelo professor de matemática.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


REMATEC 2006-2019. Site desenvolvido por Stanley de Oliveira (stanleyufrn@gmail.com).